Estação de São Bento

Estação de S.Bento Porto

Fachada Estação de S.Bento Porto

Relógio Estação S.Bento no Porto

Azulejo Português na Estação S.Bento no Porto

Estação S.Bento no Porto

Azulejo Português na Estação S.Bento no Porto

Comboios na Estação S.Bento no Porto

Pombo na Estação de s.Bento Porto

Estação de S.Bento Porto

Fachada Estação de S.Bento Porto

Azulejo Português na Estação S.Bento

 

O projeto da Estação de S. Bento no Porto foi aprovado pela Câmara a Janeiro de 1888 e foi construído no local onde se encontrava o antigo Convento de S. Bento da Avé-Maria que na altura estava em degradação.
No entanto a sua construção foi iniciada apenas em 1900, durante o reinado de D. Carlos e de Dª Amélia, e inaugurada oficialmente em 1916. Em 1915 os famosos azulejos foram adicionados à construção da estação.

Cada painel mostra diferentes momentos da história de Portugal: o casamento de D. João I com Dª Filipa de Lencastre no Porto (1386), a conquista de Ceuta (1415), o Torneio de Arcos de Valdevez (1140), e outros cenários tradicionais e atividades típicos da época (o Transporte do vinho, no Douro, as Vindímas, a Feira do Gado,…)
No topo das paredes é possível ainda ver um friso de várias cores, a representar a história da viação nacional, terminando com a chegada do primeiro comboio em Braga.
A Estação de S. Bento, foi desenvolvida em forma de U, cuja fachada se encontra direcionada para a Praça Almeida Garret.  No seu interior é possível observar a vasta estrutura metálica trabalhada de forma artística, com oito linhas, cinco cais, e espaços para o armazenamento de mercadorias.

INFO ADICIONAL
Horário de funcionamento:
Aberto todos os dias
Entrada:
Grátis
Localização:
Praca Almeida Garrett, Porto 4000-069


The design of S. Bento railway station in Porto was approved in January 1888 by the city hall and was built on the site of the former Convent of S. Bento da Ave-Maria.
However, its construction only started in 1900, during the reign of King Carlos and Dona Amelia, and inaugurated in 1916.
In 1915 the famous tiles were added to the construction of the station. Each panel shows different moments in the history of Portugal: the marriage of D. João I with Dona Philippa of Lancaster in Porto (1386), the conquest of Ceuta (1415), the battle of Valdevez (1140), and other traditional settings and typical activities of the time (the transportation of wine along the Douro, the harvest, the Cattle Fair, …)
At the top of the walls it is still possible to see a frieze of various colors intended to demonstrate the history of transportation in Portugal, ending with the arrival of the first train in Braga.
The S. Bento railway station, is designed in a shape of a U, and the facade is directed to the Almeida Garret Square. On the inside you can see a wide metallic structure crafted artfully all around the station, it holds eight tracks and five piers, allowing also for the storage of goods.

ADDITIONAL INFO
Opening Hours:
Open all days of the week
Entrance:
Free
Location:
Praca Almeida Garrett, Porto 4000-069

 

porto_photography_guide_facebook porto_photography_guide_googleplus porto_photography_guide_bloglovin port_photography_guide_flickr

Visite o Porto Photography Guide / Visit Porto Photography Guide

Advertisements

Quinta da Conceição

Arco Quinta da Conceição Porto Fonte Quinta da Conceição Porto Escadaria Quinta da Conceição Porto Arvores, Muro pedra - Quinta da Conceição Porto Fonte principal Quinta da Conceição Porto EsculturaQuinta da Conceição Porto Arcos Quinta da Conceição Porto Fonte Quinta da Conceição Porto Pessoas Quinta da Conceição Porto Fonte e Árvore Quinta da Conceição Porto

A Quinta da Conceição é atualmente o parque público principal de Matosinhos.
Encontra-se junto do Porto de Leixões e da EXPONOR.

A sua origem data em 1481, onde se encontrava instalado o Convento de Nossa Senhora da Conceição da Ordem de S. Francisco. Décadas depois devido ao clima agreste, o Convento foi obrigado a mudar-se para outro local.
Atualmente já existem poucos vestígios da sua estrutura: ainda sobrevive o antigo Claustro, a Capela de S.Francisco e alguns chafarizes. O espaço possui vários elementos decorativos como o portal detalhado de estilo manuelino, que pertenceu à igreja do Convento. Pórticos, estatuetas, colunas, entre muitos outros. E também uma área verde bastante diversa e convidativa. O parque integra ainda uma piscina e um pavilhão de ténis.

INFO ADICIONAL
Horário de funcionamento:
Aberto todos os dias
Entrada:
Grátis
Localização:
Avenida Antunes Guimarães, 4450 Leça da Palmeira, Matosinhos
Contatos:
22 939 0900


 

The Quinta da Conceição is the main public park of Matosinhos.
It’s located by the Porto de Leixões and EXPONOR.

Its origins date back to 1481, where the Convent of Nossa Senhora da Ordem de S. Francisco was installed. Although a few decades later they had to relocate due to the harsh climate.
Today there isn’t much left of the Convent’s structure: there’s the old cloister, the Chapel of S.Francisco and some fountains. The space has several decorative motifs like the detailed portal with the manueline style of arquitecture, that used to belong to the Church of the Convent. There are portics, statues, and columns, among many others. And a very diverse and inviting green area to explore. The park also integrates a tennis pavilion and a pool.

 
ADDITIONAL INFO
Opening Hours:
Open all days of the week
Entrance:
Free
Location:
Avenida Antunes Guimarães, 4450 Leça da Palmeira, Matosinhos
Contacts:
22 939 0900

 

 

porto_photography_guide_facebook porto_photography_guide_googleplus porto_photography_guide_bloglovin port_photography_guide_flickr

Visite o Porto Photography Guide / Visit Porto Photography Guide

Casa da Viscondessa de Santiago de Lobão

Casa da Viscondessa Santiago Lobão

Casa da Viscondessa Santiago Lobão

Casa da Viscondessa Santiago Lobão

Casa da Viscondessa Santiago Lobão

Casa da Viscondessa Santiago Lobão

Casa da Viscondessa Santiago Lobão

Casa da Viscondessa Santiago Lobão

Casa da Viscondessa Santiago Lobão

Casa da Viscondessa Santiago Lobão

Casa da Viscondessa Santiago Lobão

Casa da Viscondessa Santiago Lobão

A casa da Viscondessa de Santiago de Lobão encontra-se na esquina da rua de Belos Ares com a Av. da Boavista. Foi construída nos inícios do séc. XX, a cargo do Visconde de S. Tiago de Lobão que regressava do Brasil, onde fez fortuna. O casal não possuía descendentes e quando a Viscondessa faleceu deixou a casa a uma instituição de beneficência e apoio aos mais desfavorecidos. Atualmente a casa Viscondessa de Santiago de Lobão serve como espaço para o Instituto dos Serviços Sociais e como centro de reabilitação para jovens adultos portadores de deficiência motora e intelectual carenciados.

A casa caracteriza-se no estilo arquitectónico de Arte Nova e ao seu redor, o jardim possui várias árvores de grande porte e plantas exóticas, trazidas do Brasil (Carvalhos, Plátanos, Faias, Jacarandás, Hibiscos, Magnólias, etc). Possui ainda um belo Coreto com uma mesa e cadeiras de ferro, um moinho de vento, uma bela estufa com vidros coloridos, um pequeno lago, entre muitas outras coisas a explorar pelos espaços dos jardins.

INFO ADICIONAL
Horário de funcionamento:
Segunda a sexta feira (9h às 17h30)
Entrada:
Grátis
Localização:
Av. da Boavista 1256, Porto


The House of Viscondessa de Santiago de Lobão is located in the street corner of the Rua Belos Ares and Av. Boavista. It was built in the beginning of the 20th century, by the Viscount S. Tiago de Lobão, who returned from Brasil to Portugal, where he became a very wealthy men.

The Viscount and his wife didn’t have any descendants, so before she died, the Viscountess left the house to a charitable institution. Today, the House of Viscondessa de Santiago de Lobão is used by the Institution of the Social Services, and serves also as a rehabilitation center for young adults with physical and intellectual disabilities and in need.

The architecture of the house fits into the Art Noveau Style, and the surrounding gardens have many big trees and exotic plants, brought from Brazil (Oaks, Plantains, Beech, Jacarandás, Hibiscus, Magnolias, among others). The Gardens also have a beautiful Gazebo with an iron table and several chairs, a greenhouse with painted glass, a windmill, a small pound, and many other things to explore.

ADDITIONAL INFO
Opening Hours:
Monday to Friday (9h às 17h30)
Entrance:
Free
Location:
Av. da Boavista 1256, Porto

porto_photography_guide_facebook porto_photography_guide_googleplus porto_photography_guide_bloglovin port_photography_guide_flickr

Visite o Porto Photography Guide / Visit Porto Photography Guide

Casa d’Allen (Casa das Artes)

Casa das Artes Fachada Casa das Artes Jardim Casa das Artes Jardim Casa das Artes Jardim Casa das Artes Arquitetura Casa das Artes Tiles Casa das Artes Jardim Fachada Fachada Casa das Artes Pormenores Casa das Artes Jardim   A casa d’Allen começou a ser construída na década de 20 (coincidindo com uma época em que estavam a ser erguidos pelo Porto, uma série de palacetes), para residência do 3º Visconde de Villar d’Allen. O arquitecto José Marques da Silva foi o responsável pela concepção do projeto da Casa, no entanto foram introduzidas várias alterações pelos Allen, no seu interior. O que teve consequências na própria fachada da casa, que sofreu sucessivas modificações. O Visconde Joaquim Ayres de Gouveia Allen era um engenheiro de formação e cônsul da Bélgica no Porto, designado como “misto de aristocrata e capitalista”. Possuía ainda ligações comerciais e laços familiares (através do matrimónio à Casa Ramos Pinto (uma das famílias mais antigas de produção de Vinho do Porto)). Entre 1988 e 1991, foi construída nos jardins da Casa d’Allen, a Casa das Artes. Desenvolvida pelo arquiteto Eduardo Souto Moura. O edifício é caracterizado como “uma obra silenciosa e discreta, rica em referências aos mestres modernos e à tradição das formas e dos materiais locais, é quase invisível ao lado da obra de Marques da Silva (1869-1947) e constrói um dos limites do singular jardim.”
Ambas as estruturas encontram-se atualmente sob alçada e gestão da Direção Regional de Cultura do Norte.

*Fotos mostram apenas Jardim e Casa d’Allen

INFO ADICIONAL
Horário de funcionamento:
Casa d’Allen
De segunda a sexta-feira: 9h00 – 18h30
Casa das Artes
Sábado, domingo e  terça-feira: 14h00 – 19h30
Quinta-feira: 14h00 – 21h00
Entrada: Grátis
Localização: Rua António Cardoso 175, Porto
Contactos:
Telefone: 966 640 564 / 914 058 161
E-mail: cultour@cultour.com.pt


The House d’Allen started being built in the 20’s, as a residence for the 3rd Viscount of Villar d’Allen. Coincidently it was a period that a lot of big houses and palaces were being developed in the city. The project of the house was made by the arquitect José Marques da Silva but several modifications were made by the Allen’s on the original design of the interior, which led to many changes on the facade of the building itself.  The Viscount Joaquim Ayres de Gouveia Allen was an engineer and the consul of Belgium in Porto. He was designated as “a mix of aristocrat and capitalist”. He also had several commercial and family (by marriage) connections with the House Ramos Pinto (one of the oldest families in the production and commerce of Porto Wine).   Between 1988 and 1991, the House of Arts was built in the gardens of the House d’Allen. It was developed by the arquitect Eduardo Souto Moura. The building itself is described as “A quiet, discreet work, rich in references to modern masters and tradition of forms and local materials, it’s almost invisible next to the work of Marques da Silva (1869-1947) and built into the garden’s limit.”
Both structures are currently under the care and management of the Direção Regional de Cultura do Norte.

*In the photos you can only see the House d’Allen and its surrounding gardens.

ADDICIONAL INFO
Opening hours
House d’Allen
Monday to Friday: 9h00 – 18h30
House of Arts
Saturday, Sunday and Tuesday: 14h00 – 19h30
Thursday: 14h00 – 21h00
Entrance: Free
Location: Rua António Cardoso 175, Porto
Contacts:
Telephone: 966 640 564 / 914 058 161
E-mail: cultour@cultour.com.pt

porto_photography_guide_facebook porto_photography_guide_googleplus porto_photography_guide_bloglovin port_photography_guide_flickr

Visite o Porto Photography Guide / Visit Porto Photography Guide

Casa Tait

Casa Tait

Casa-Tait_Jardim_Porto

Casa-Tait_Jardim_Porto

Casa-Tait_Jardim_Porto

Casa-Tait_Jardim_Porto

Casa-Tait_Jardim_Porto

Casa-Tait_Jardim_Porto

Casa-Tait_Jardim_Porto

Casa-Tait_Jardim_Porto_11

A Casa Tait situa-se na zona central da cidade do Porto. Antiga residência para familias Inglesas. Em 1900 o cidadão britânico William Tait ficou na posse do terreno, que tomou como sua residência. Era um negociador abastado, com ligações ao vinho de Porto e um estudioso da fauna e flora, autor do livro “The Birds of Portugal” (1924). Foi uma pessoa relevante na sua época.
A sua sucessora, Muriel Tait, vendeu a propriedade ao município do Porto, que passou desta forma a ser um espaço verde público.

A Casa possui um excelente posicionamento estratégico abrindo-se sobre os jardins e sobre uma vista panorâmica privilegiada no sentido do Douro.
Ainda hoje é possível desfrutar de uma bela colecção de flora como rosas, camélias, brincos de princesa, entre outros.

INFO ADICIONAL
Horário de funcionamento:
Segunda a sexta feira (10h às 12h30_14h às 17h30)
Entrada:
Jardim: Grátis
Museum: –
Localização:
Rua de Entre-Quintas, 219, 4050-240 Porto
Contactos:
Tel. (+351) 226 057 000
E-mail: dmpc@cm-porto.pt


Casa Tait is located in the central area of Porto. It used to be an old residence for English families. In 1900, William Tait took possession of the land and took residence there. He was a wealthy tradesmen, a well-known scholar of the fauna and flora in Porto and the author of the book “The Birds of Portugal” (1924).
William Tait was a relevant person of his time.
His successor, Muriel Tait, sold the propriety to the city who turned it into a public green space.
The Casa Tait is strategically positioned in a way that opens up to the garden and over an exceptional panoramic view of Douro.
These days you can still enjoy the beautiful collection of fauna and flora in the gardens, from roses to camellias, fuchsias, among others.

ADDITIONAL INFO
Opening Hours:
Monday to Friday  (10h às 12h30_14h às 17h30)
Entry:
Garden: Free
Museum: –
Location:
Rua de Entre-Quintas, 219, 4050-240 Porto
Contacts:
Telephone: (+351) 226 057 000
E-mail: dmpc@cm-porto.pt

porto_photography_guide_facebook porto_photography_guide_googleplus porto_photography_guide_bloglovin port_photography_guide_flickr

Visite o Porto Photography Guide / Visit Porto Photography Guide

Porto Photography Guide

Em breve

O Porto Photography Guide é um guia fotográfico com uma visão única da cidade do Porto.

Em breve vão poder ficar a conhecer os recantos pouco explorados e mais interessantes da cidade.

Fiquem atentos.

_______________________________________________

Opens Soon

Porto Photography Guide is a photo location guide with a unique vision of the city of Porto

Soon you’ll be abble to get to know the most interesting unexplored sights of the town.

Please come back later.